. ARTE E CULTURA POPULARA ARTE DE NEWTON AVELINO: 12/03/13

Curta Nossa Página do Facebook!


  • Desenvolvido Por Iago Melanias

    Curta Nossa Página do Facebook!


  • Desenvolvido Por Iago Melanias

    SEGUIDORES

    Confira a arte do artista potiguar Newton Avelino, na sua galeria permanente. Adquira já uma obra!

    3 de dez de 2013

    PRAIA DE BARRA DO RIO

                                                          Fonte da imagem: de olho no curimatau
                     
                       

                                     PARAÍSO TROPICAL


              
          Barra do Rio é uma bela praia do litoral norte do estado do Rio Grande do Norte. Essa praia fica distante 35 km da cidade do Natal, ela fica logo após a praia de Genipabu.


              
          Para chegar a Barra do Rio é necessário atravessar o Rio Ceará Mirim de balsa para continuar o passeio sob dunas. Essa praia pertence ao município de Extremoz  Rn, que costuma receber um grande número de turistas durante a alta estação. Ela tem um mar azul, uma boa tranquilidade. Crianças e idosos podem tomar banho nessas águas porque são  calmas.



               
             Barra do Rio tem uma moderada infra estrutura, dando a oportunidade dos visitantes levarem alimentos e bebidas para que não aconteça contratempos. Esse nome foi dado devido ao rio Ceará Mirim que desemboca no mar nesse lugar.


               
             Muitos pescadores pegam peixes nesses arrecifes que possui águas calmas, eles lançam redes nesse local e pegam muitos peixes na maré baixa. Você vindo a Natal, não deixe de conhecer esse local lindo, calmo e maravilho, é propício para quem gosta de tranquilidade e de belas paisagens.



               
             Se informe com os nativos do lugar, pois só assim você vai ter uma tranquilidade maior no que se refere a segurança em todos os aspectos. Conheça Barra do Rio, você vai se encantar.

     

     




           

    LOUCOS PARA BRINCAR

     
    REVOLUÇÃO DE CORES PICTÓRICAS

              A obra do artista plástico Newton Avelino é inconfundível, ele mostra em suas obras cores vivas e traços arrojados, e uma linguagem própria junto com uma temática toda especial que esse artista nordestino gosta de destacar em suas obras.

           A temática que ele define como regional. Ela mostra cores pictóricas e figuras exóticas em um magistral censo de criação em seus trabalho. Essa obra, é uma das mais recentes feitas pelo artista brasileiro, e que participou de salões de artes a onde foi premiada.

            Newton Avelino é um artista que sempre está na vanguarda, mostrando coisas novas e destacando em traços e cores a região a onde ele nasceu. A arte que ele pinta é diferenciada e é vista como uma proposta de suporte que é o próprio artista faz questão de enfatizar que é não é modismo e sim, uma proposta de um trabalho de vanguarda para que gosta de ver boas obras de arte.

             Esse artista tem um comprometimento com o seu público e com o seu trabalho. A pesquisa e os constantes estudos que ele próprio faz, só mostra que o artista  não gosta de se influenciar pelos que os outros dizem, e sim pelo que ele acha necessário em colocar nas suas obras.

              A obra de Newton Avelino, só vem mostrar beleza e cores traduzindo as coisas que se passam no dia a dia de uma sociedade que não é contemplada com quase nada, a sociedade do sertão do semi árido nordestino. Newton Avelino, um artista do nordeste.


     
     

     
     
     
     

    O JUMENTO É NOSSO IRMÃO

     
                

    Fonte da imagem: Overmundo




    O DESENVOLVIMENTISTA DO SERTÃO

             





          Um dos símbolos mais marcantes do sertão no nordeste brasileiro é o jumento. Sinônimo de trabalho e de ajudar o sertanejo no dia a dia no desenvolvimento do nordeste, tanto no litoral e zona da mata, como no sertão no cariri ou agreste do nordeste do Brasil. 

                  O jumento serviu de inspiração até para o rei do bailão seu Luiz Gonzaga. Ele chamou o jumento de desenvolvimentista do sertão, e fiel ajudante do povo nordestino. Entretanto, nem Luiz Gonzaga podia imaginar que o jumento esse animal sagrado, chegasse a essa situação. 


                   É tão ridícula por parte dos responsáveis, que não remanejaram e não fizeram o controle desse singelo e dócil animal. Tudo isso aconteceu também, por falta de atrativo como meio de transporte. 


                   Aqui no Brasil o negócio é se livrar do problema, mesmo que seja custando a vida dos animais, como aconteceu até pouco tempo, um acordo comercial entre Brasil e China para exportar os pobre animais. 


                    Eu acho que os responsáveis deveriam ter consciência e fazer como os americanos fizeram com os seus cavalos, soltaram nas pradarias e a sua população cresceu e hoje os cavalos selvagens tem a proteção do governo dos Estados Unidos. 


                     O Brasil e os estados da região nordeste deveriam seguir o exemplo, e fazendo isso com os nossos jegues, ou burros como queiram chamar, pois eles deram muito a esse país. 

                      Já que tem muita gente que não faz nada para a sociedade como gestor público, que pelo menos aprovassem uma lei que desce proteção a esses animais. Pelo menos seria uma boa prestação de serviço a sociedade do nordeste e do Brasil.


                       Esse negócio de exportar jumentos para a China isso é uma vergonha, além de ser imoral é uma falta de bom senso por parte das pessoas que geram e administram o sertão do nordeste do Brasil.





                       



    ZUMBI DOS PALMARES.

    Fonte da imagem: ebc





    SÍMBOLO DA RESISTÊNCIA 

            




          Zumbi dos Palmares, um homem que lutou muito no nordeste do Brasil para que os negros dessa região fossem livres da escravidão imposta pela coroa real portuguesa e pela aristocracia de Portugal e do Brasil.


            




           A sua história começou em 1655 com o seu nascimento em Alagoas, foi capturado por soldados que lhe entregaram a um padre pelo nome de Antônio Melo, foi batizado, e depois com o nome de Francisco ele morou com esse padre até os seus 15 anos, fugindo assim para o Quilombo dos Palmares, a onde era respeitado e reconhecido pelas suas habilidades de capoeira.


           




          Zumbi com apenas 20 anos já era um estrategista na luta contra os soldados do Sargento Manuel Lopes. Em 1678 o Líder dos Palmares, Ganga Zumba é chamado para negociar com o Governador da província de Pernambuco(Pedro Almeida).


            




          O governador só queria libertar os negros do Quilombo, fato esse que não agradou ZUMBI DOS PALMARES e outros, Com essa decisão de não aceitar esse tipo de negociação, Zumbi se torna o novo líder de Palmares.


             




          Em 1680 já com 25 anos, e líder do Quilombo, ele comandou a resistência contra as tropas do governo. Na época em que Zumbi comandou o Quilombo, a comunidade cresce e se fortalece, obtendo várias vitórias contra os soldados portugueses.


             



                Ele tinha grandes habilidades no seu planejamento e muita organização, além de muita coragem e conhecimentos militares.Com muitas dificuldades de derrotar os Quilombolas, o governo contrata o bandeirante Domingos Jorge Velho, que organiza no ano de 1694, um ataque ao Quilombo dos Palmares. Acontecendo assim, uma feroz batalha entre os Quilombolas e os Soldados portugueses, conseguindo assim, ferir Zumbi, que logo fugiu.  Ele foi traído por amigos que lhe entregaram as tropas do bandeirante. Zumbi foi degolado aos 40 anos de idade no dia 20 de novembro de 1695. Ele é considerado o Símbolo da resistência e luta contra a escravidão.






    Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

    GOSTARIA DE ASSINAR O NOSSO FEED?

    100% gratuito

    RECEBA AS ATUALIZÇÕES DO NOSSO BLOG DIRETAMENTE NO SEU E-MAIL

    FIQUE POR DENTRO DAS NOVIDADES DO BLOG