, A ARTE DE NEWTON AVELINO: 11/18/15

Curta Nossa Página do Facebook!


  • Desenvolvido Por Iago Melanias

    Curta Nossa Página do Facebook!


  • Desenvolvido Por Iago Melanias

    SEGUIDORES

    Confira a arte do artista potiguar Newton Avelino, na sua galeria permanente. Adquira já uma obra!

    18 de nov de 2015

    GALINHA DE CAPOEIRA

                                                                             
                                                                              Fonte da imagem: youtube                                    
                             
                                      

                                       
                                           O MODO CORRETO DE SE CRIAR
          
          


            Uma tradição nordestina bem comum no sertão ou em qualquer outra parte da região do nordeste, é a criação de galinhas caipiras. Ou mesmo como chamamos em outras partes do nordeste, galinha de capoeira. Pois ela é chamada assim, porque vive solta, e na maior parte das vezes algumas põe e chocam dentro do mato, quando elas aparecem já vem com pintinhos. Isso é muito normal no sertão ou no agreste ou em qualquer outra sub-região nordestina. 


          
           Essa é uma maneira barata dos agricultores terem um meio de subsistência na área avícola. Nós sabemos que tem uma variedade enorme de raças dessas aves, e sabemos também que melhorou muito no aspecto de criação delas, pois com ajuda de técnicos, as galinhas que vivem em cativeiro podem ganhar peso rapidamente e ter uma postura bem maior e um melhor manejo. Sendo assim, dá mais lucro aos criadores, que criam nesse sistema de engorda. 


          
          Também sabemos que, a legítima galinha de capoeira ou caipira, é criada solta comendo de um tudo um pouco, demora um pouco mais para engordar, pois só vai ter o milho como suplemento. Ao passo que no regime de engorda, as galinhas e frangos engordam mais rápido, pois vão ter bem mais suplementos e ração. Mas como eu disse, a galinha caipira ela é toda especial, pois o modo dos agricultores criarem esse tipo de ave, é mais simples e mais cultural, é um negócio que não precisa de tanto manejo assim. 


          
           O investimento é mínimo e a produção é satisfatória. Além da produção de ovos, as galinhas são comercializadas a preços mais baixos. Seu nome científico é Gallus gallus domesticus, pertence ao grupo de aves galiformes e fasianídeas, sendo encontrada em todo o planeta. Como toda nossa cultura é influenciada por outros povos desde a época do descobrimento e colonização, essa aí também foi introduzida no país, na época do descobrimento do Brasil, sendo que adaptamos essas raças para viverem no nordeste e em todo Brasil. 


          
            Aqui é o nome de algumas dessas raças: Australop, new Hampshire, Rhode Island Red, Turquen (essa é a nossa galinha do pescoço pelado). Claro que essas raças tem cruzamentos umas com as outras, e vão mudando de genética, não ficam pura, terminam sendo uma raça tipicamente brasileira. Isso requer alguns estudos, é claro. Alguns aves ganham peso mais rapidamente, e uma dessas é a Paraíso Pedrês pelos estudo comprovam que elas tem um melhoramento genético, e que têm como característica, um ganho de peso mais considerado e em um tempo menor. 


          
            O que é mesmo bonito de se ver, é que esse tipo de manejo no sertão ou em qualquer outro lugar, ele dá dividendos para os proprietários desses sítios, pois o pequeno avicultor(agricultor), tem uma fonte de renda através da criação dessas aves, pois vendem a produção de ovos e de carne para as feiras e também para as pessoas que moram nessas regiões. A galinha caipira ou de capoeira, ela é a cara das cenas cotidianas que se passam nos terreiros das casas do sertão brasileiro. 


          
       O modo que se criam essas aves no interior, principalmente pelo roseiro, é o modo mais primitivo e certo de se criar uma ave no quintal com cercas abertas e livres para elas terem o maior espaço possível. Ah, quando vão ser abatidas, geralmente os sertanejos deixam elas em confinamento em chiqueiros durante uma semana, para poder a ave ser limpa. Quem nunca participou de uma cena rural dessas na infância que levante a mão. É isso!


    Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

    GOSTARIA DE ASSINAR O NOSSO FEED?

    100% gratuito

    RECEBA AS ATUALIZÇÕES DO NOSSO BLOG DIRETAMENTE NO SEU E-MAIL

    FIQUE POR DENTRO DAS NOVIDADES DO BLOG