, A ARTE DE NEWTON AVELINO: CIDADE DO NORDESTE A ARTE DE NEWTON AVELINO: CIDADE DO NORDESTE

SEGUIDORES

Confira a arte do artista potiguar Newton Avelino, na sua galeria permanente. Adquira já uma obra!
Mostrando postagens com marcador CIDADE DO NORDESTE. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador CIDADE DO NORDESTE. Mostrar todas as postagens

10 de nov de 2017

CAPITAL DA RAPADURA

CIDADE DO AGRESTE PERNAMBUCANO l Fonte da imagem: guia do turismo brasil







CIDADE DO AGRESTE PERNAMBUCANO






       A região nordestina tem muitas belezas e muitos locais encantos para encantar a todos que por ela passam. Vemos que o bioma nordestino está cheio de belezas naturais que a própria natureza criou e que agora, o homem usa isso para ser uma fonte de renda e uma forte fonte de geração de emprego e renda para cada uma dessas sub-regiões que existem dentro da região nordestina. Dentre tantas belezas espalhadas nessa linda região, vemos que existem regiões que transformaram em parques, algum espaço, com a fauna e flora riquíssimas e que isso veio a preservar esses locais, e ao mesmo tempo gerar emprego e renda para essas pessoas que moram nesses locais. 





      Hoje vamos falar de uma linda cidade que foi beneficiada e teve a generosidade da natureza que lhe concedeu. Hoje vamos falar de Triunfo, uma cidade que fica  no estado de Pernambuco. Eu costumo falar, que Deus foi muito generoso com o Nordeste brasileiro, pois esse estado tem naturezas mil. Ele tem um litoral lindíssimo, tem uma zona da mata linda, tem um agreste maravilhoso, um sertão incrível e um meio norte diferente de todas essas outras sub-regiões nordestinas, onde você pode encontra caatinga e cerrado, e é aí que você ver o quanto Deus foi generoso com essa região e as pessoas que nela vivem. 





      Como eu ia dizendo, nós vamos falar dessa linda cidade de Triunfo. Ela está localizada no sertão do Pajeú, a uma altitude de 1.260 metros. Esse é um dos pontos mais alto do estado de Pernambuco. Essa cidade fica distante da capital do estado, Recife, cerca de uns 400 KM. O nome veio depois de uma luta que houve entre a poderosa família dos Campos Velhos, da cidade de Flores, e os habitantes da povoação da Baixa Verde, que queriam que esse lugar tivesse mais progresso, então começaram com a criação de uma feira livre, já os Campos Velhos, não gostaram e partiram para violência, para acabar com a feira livre desse lugarejo, diversas vezes, vindo até as vias de fatos, com perdas de vidas. Mesmo assim, eles não conseguiram acabar com a tal feira. 





      Depois de muitas discussões, os habitantes que moravam em Baixa Verde e eram a maioria, fizeram uma baixa assinado e solicitaram da Assembleia Provincial e do Diocesano, que a povoação fosse transformada em freguesia e elevada à categoria de vila, o que ocorreu em 2 de julho de 1870, através da Lei Provincial nº 930. Então foi assim que criou a freguesia de Nossa Senhora das Dores, desmembrada da freguesia de Flores, e elevou a povoação de Baixa Verde à categoria de Vila com a denominação de Triumpho. Em 13 de junho de 1884, através da lei Provincial nº 1.805, foi criada a comarca, de Triunfo, e com isso, a volta da Baixa Verde, que foi elevada à categoria de cidade. 





       Essa cidade é cheia de belezas naturais e também é conhecida como “Oasis do Sertão”, ela também é muito conhecida como a capital da rapadura. O carnaval de Triunfo é um dos mais conhecidos do interior pernambucano. O festival de cinema de Triunfo, também é muito conhecido. Essa festa é voltada para os amantes da “sétima arte”. Esse festival ocorre no Cine Teatro Guarani e exibe vários filmes, como curta metragem, e animação. A premiação do festival é muito concorrida por diretores de vários lugares do Brasil, e tem uma boa premiação. 





      Alguns pontos turísticos de Triunfo são: a cachoeira do pinga, museu do cangaço, lago João Barbosa Sintonio, cacimba do João Neco, furna dos Holandeses, águas parque, pico do papaguaio, engenho São Pedro, museu da cachaça, museu do cangaço, cine teatro guarani e tantos outros pontos que essa cidade proporciona para os visitantes e para os nativos. A festa dos estudantes também movimenta durante uma semana, essa cidade. 





      O clima em Triunfo é tropical e chove muito, menos no inverno que no verão. De acordo com a Kõppen e Geiger, o clima é classificado como Aw. Em Triunfo a temperatura média é de 21°C. A pluviosidade média anual é de 1082 mm. Venha curtir o frio dessa cidade maravilhosa do sertão pernambucano, e conhecer os pontos turísticos que ela oferece para todos os visitantes e para todos aqueles amantes da beleza natural da região. Venha saborear a culinária regional, que é uma delícia.






17 de mai de 2017

ROLIÚDE É AQUI

SET DE FILMAGENS: Fonte da imagem: Cabaceiras PB





SET DE FILMAGENS








      Se existe um povo difícil de ser estudado esse povo é o povo nordestino, pois nós nordestinos, somos alegres, somos sinceros e quase sempre, estamos inventando algo para diferenciarmos das coisas normais da vida, somos antes de mais nada, um bravo. O povo sertanejo além de ser muito trabalhador, também é muito criativo na essência da palavra. Andando dentro da caatinga, nós vemos lugares dentro do bioma dessa região, que na maioria das vezes imaginemos que não existe gente morando ali, mas quando damos conta, vemos que existe sim, pessoas embrenhadas dentro da caatinga, e que faz daquilo ali, o seu lar, a sua vida e o seu mundo. Se o lugar não existe, o nordestino trata de inventa-lo. 






      Eis um lugar que faz qualquer produtor de cinema ficar maravilhado, esse local existe no sertão nordestino, e fica no município de cabaceiras no sertão da Paraíba. Esse é um local onde o produtor de filmes, já encontra os  cenários prontos para filmagens. Com baixos índices de chuvas e uma população com vontade de trabalhar, esse é realmente o lugar certo para tomadas de sets. O letreiro que existe nesse local, não deixa dúvidas nenhuma de que esse local é um local exótico, e para não deixar nenhuma dúvida, o letreiro logo na porta de entrada da cidade já avisa: “Roliúde Nordestina”. Cabaceiras fica a 166 KM de João Pessoa, a capital do estado da Paraíba. 






      Essa região ficou famosa em todo o Brasil após servir de cenário para produções nacionais como “Cinemas, Aspirinas e Urubus”, “O Auto da Compadecida, e “Canta Maria”. A “Roliúde Nordestina” como é mais conhecida a cidade de cabaceiras, já serviu de cenário para mais de trinta produções, entre documentários e longas. Esse é mesmo um cenário que encanta aos visitantes e mesmo aos nativos dessa região. O sertão de cabaceiras e toda região do Nordeste brasileiro, realmente encanta pela sua beleza, disso ninguém tem dúvidas. Mas essa região em si, ela é mágica, pois tem muitos cenários que só a caatinga pode proporcionar para cada um de nós. 






      Os pontos turísticos desse lugar são: a antiga cadeia pública, Museu Histórico Cultural dos Cariris Paraibanos, Lajedo do Pai Mateus, Saca de Lã e o Memorial Cinematográfico. A beleza desse local, chama atenção, pois o conjunto arquitetônico das casinhas e dos prédios públicos que existem na cidade é um atrativo a mais para as pessoas que visitam Cabaceiras. Com um clima ameno à noite, os baixos custos da produção local, não só de locações, mas também dos preços pagos aos moradores, por participarem do roteiro desses filmes, como figurantes, são algumas das razões para grande incentivo para os produtores do cinema brasileiro virem a produzir filmes nessa região de cabaceira. Isso é ótimo, pois isso só vem a beneficiar essa região, pois essa é uma das formas de se divulgar a cidade, e também de se prestigiar a produção cinematográfica do Nordeste e do Brasil. 






      Na cidade cinematográfica, até o jegue se posiciona quando ver a produção começar as filmagens. O cinema foi a tábua de salvação para a cidade de Cabaceiras, pois só assim ela saiu da estatística daquelas cidadezinhas encravadas dentro do sertão nordestino e que são esquecidas pelo tempo, por falta de emprego, e por falta de atenção do poder público. Essa cidade realmente é mágica, tudo transpira a cinema e arte. Digamos que o estúdio é a céu aberto. O investimento em turismo cinematográfico é uma realidade nessa cidade, só assim isso gera emprego e renda para a população local. 






      Cabaceira é um verdadeiro set de gravação, os moradores dessa localidade costumam fazer “pontas” em diversos filmes. Não existe tempo ruim na cidade, eles sempre programam festividades locais para celebrarem algum evento, como por exemplo, o festival de caprinos e ovinos da Paraíba, e assim essa cidade vai se desenvolvendo e seus habitantes vão renovando na criação de novos eventos. Falar da “Roliúde Nordestina, é ter a satisfação de valoriza o cinema Brasileiro, pois é com pouco dinheiro, muita vontade e um história riquíssima, que o cinema regional e nacional, vão se valorizando e vão mostrando todo um trabalho riquíssimo e um potencial cultural incrível dessa região. Quando vier ao Nordeste, procure conhecer a nossa “Roliúde Nordestina”, ela pode te surpreender.



20 de nov de 2016

A CAPITAL DO FORRÓ

CIDADE CULTURAL | Fonte da imagem: irregular






CIDADE CULTURAL







      O estado de Pernambuco é por si só, um dos estados da região Nordeste que direta e indiretamente está ligado propriamente a arte. Esse estado, podemos dizer que, respira arte todos os segundos da vida, assim como os outros oito estados dessa região, mas Pernambuco é diferenciado. Também podemos dizer que a sua capital é considerada a capital da cultura popular do Nordeste. 





       Com isso, não podemos dizer que, o Nordeste não respire cultura, pois nos outros estados, claro que respira cultura, o Ceará é um outro estado que é altamente provido de artistas e de cultura, o Maranhão, o Rio Grande do Norte, o Piauí, Sergipe, Bahia, Alagoas a Paraíba. Sabemos que todos os estados da região nordeste, respiram cultura. Todos eles são ricos culturalmente. Enfim, o Nordeste é uma região que respira cultura nos seus quatro cantos, pois ele é um celeiro de grandes artistas, que fazem parte do cenário regional, nacional e até internacional. 






       Bem, mas vamos falar aqui de uma cidade nordestina que além de ter grandes artistas, ela ainda produz cultura o ano todo. Vamos falar da cidade de Caruaru, que está situada no agreste pernambucano e que é considerada a capital do forró. Ela fica a pouco mais de 130 KM do Recife, a capital do estado de Pernambuco. O interessante é que, Caruaru fica em um ponto bem estratégico, ou seja, ela fica próximo do Recife e próximo da cidade paraibana que também é movida pela cultura regional, que é Campina Grande. 






       Essa foi criada no século XVll, sendo uma das primeiras cidades do agreste pernambucano, e a mais populosa do estado. Não preciso falar aqui, que, a feira de Caruaru foi cantada em versos e prosas pelo poeta cancioneiro popular, e que realmente, essa feira é conhecida nacionalmente e até internacionalmente. De tudo você pode encontrar nessa feira livre, digamos que seja um shopping popular a céu aberto no meio da cidade. 






       Caruaru durante o período junino, se transforma e vira um grande arraial, recebendo um grande número de turistas que pode chegar até um milhão de visitantes. Todos atrás de muita animação e querendo provar as comidas típicas da região. A programação feita nessa cidade, reúne cultura, educação e lazer, pois a cidade se enfeita com balões e muitas bandeirinhas e bastante artigos juninos durante os trinta dias do mês junino, pois nessa época, só se escuta forró. Espaços culturais e turísticos dessa cidade são: O museu da fábrica de caroá, o museu do barro “Espaço Zé Caboclo”, Museu do cordel Olegário Fernandes, Casa do Museu Mestre Vitalino, Alto do Mora e muitos outros lugares que essa cidade oferece. 






       Não é de hoje que essa cidade se destaca, tanto no São João, quanto nos dias normais das semanas que vão se passando, a cultura da cidade vai se aprimorando e vai se firmando a cada dia que passa, pois eles investem em cultura para aumentar o turismo da cidade, e também em empreendimentos e logísticas. O espaço de maior concentração e já conhecido por todos, é o pátio de eventos Luiz “Lua” Gonzaga, aonde acontece a maior parte dos grandes shows. 






        Mas existe outro espaço que também acontecem outras apresentações que é no “Alto do Moura”, que fica no espaço da feira. No período junino, os caruaruenses e os visitantes podem ter como atrações, as comidas típicas gigantes, desfiles, shows pirotécnicos, apresentações e concursos de quadrilhas matutas, bacamarteiros, xaxados, baião, apresentações de cordelistas, emboladores, bandas de pífanos e muito mais. 






       Então como vemos, essa cidade em épocas normais, é uma cidade que tem o que se ver, pois ela respira cultura popular todos os dias e em todos os momentos da vida, mas quando chega a época junina, aí ela se agiganta e você começa a ver uma cidade multicultural e linda de ser descoberta. Vindo ao Nordeste do Brasil, na época junina, venha em Caruaru, venha conhecer a capital do forró, e procure um guia turístico credenciado.



19 de mai de 2016

CIDADE NORDESTINA

QUIXADÁ | Fonte da imagem: www.doity










QUIXADÁ






      O Ceará é um dos estados nordestinos que mais conserva o seu acervo cultural, seja ele arquitetônico e urbanístico, seja ele biográfico, fotográfico, documental, artístico, científico ou qualquer outros tipos. O estado cearense possui diversas vertentes na área cultural seja na capital Fortaleza ou no interior. Esse estado é um dos que mais saem artistas para trabalhar pelo Brasil afora, artistas que atuam em todas as áreas. Vamos falar aqui sobre uma cidade cearense que tem uma bela arquitetura urbanística, que é a cidade de Quixadá.






      Esse município fica a 175 KM de Fortaleza, e é um dos município da Mesorregião dos Sertões Cearenses e à microrregião do sertão de Quixeramobim. Tem uma população de 100.000 habitantes. Tem uma área da unidade territorial de 2.019.822 KM², densidade demográfica de 39,91 habitante por KM². Limita-se ao norte com Itapiúna, Noroeste com Choró, a oeste com Quixeramobim, ao sul com Banabuiú, ao leste Ibicuitinga, a nordeste com Ibaretama. 





      Ela é considerada como cidade universitária do sertão central, isso em 2014, por contar com seis instituições de ensino superior, públicas e privadas. Entre algumas dessas tem o Campus da Universidade Federal do Ceará e a Universidade Estadual do Ceará. Essa é mais uma das muitas cidades nordestinas que tem o mesmo aspecto de cidade que fica entre 100.000 e 200.000 habitantes, que nos surpreende pela sua arquitetura regional e até centenária. 





      Algumas tem prédios entre o século XVl e o início do século XVlll, isso mostra o quanto essas cidades são ricas no seu aspecto urbanístico e cultural. Quixadá pertencia ao município de Quixeramobim pois, como todos já estão casados de saber, elas foram erguidas em cima de terras de antigas fazendas, e Quixadá e Quixeramobim, não são diferentes de outra cidades nordestinas.






      Então em 27 de outubro de 1870, Quixadá foi desmembrada de Quixeramobim e, através de uma lei provincial nº 1347, tornou-se município. A cidade tem mais ou menos uns 146 anos, e é uma cidade que tem uma economia que depene muito do setor terciário, o seu comércio é praticamente no centro da cidade. Na pecuária, o município é representado pela bovinocultura de leite, caprinocultura, avicultura e a ovinocultura. 





      Na cultura, a cidade de Quixadá tem dois museus, o Centro Cultural Rachel de Queiroz e o museu Histórico Jacinto de Souza. O centro cultura da cidade oferece oficinas audiovisual, teatro, artes plásticas e músicas. Sua culinária é tipicamente regional, tendo um vasto cardápio de comidas típicas. Os pontos culturais da cidade são: a Pedra da Galinha Choca, Santuário Nossa Senhora Imaculada Rainha do Sertão, Lagoa dos Monólitos, Morro do Urucu, Chalé da Pedra, Pedra do Cruzeiro, Serra do Estevão e a Trilha da Barriga, Fazenda Magé, Trilha Cabeça do Gigante, Museu Jacinto de Souza, Trilha Olho d’água, Trilha do Boqueirão, Fazenda Não me Deixes e Memorial Cego Aderaldo. Ou seja, vemos que nessa cidade cearense as pessoas podem encontrar muitos pontos turismo de aventura e eco turismo. Indo a Fortaleza, procure conhecer a cidade de Quixadá.






Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...