CONHEÇA OS SEGREDOS DAS ESPADAS DE CRUZ DAS ALMAS QUE FAZEM PARTE DA CULTURA NORDESTINA NAS FESTAS JUNINAS NO RECÔNCAVO BAIANO – A ARTE NORDESTINA | Blog de Arte e Cultura: cultura do nordeste brasileiro CONHEÇA OS SEGREDOS DAS ESPADAS DE CRUZ DAS ALMAS QUE FAZEM PARTE DA CULTURA NORDESTINA NAS FESTAS JUNINAS NO RECÔNCAVO BAIANOA ARTE NORDESTINA | Blog de Arte e Cultura: cultura do nordeste brasileiro

SEGUIDORES

Página Inicial Biografia Produtos Galeria O que dizem Jornalista Links Entrevistas Contato
Confira a arte do artista potiguar Newton Avelino, na sua galeria permanente. Adquira já uma obra!

30 junho, 2019

CONHEÇA OS SEGREDOS DAS ESPADAS DE CRUZ DAS ALMAS QUE FAZEM PARTE DA CULTURA NORDESTINA NAS FESTAS JUNINAS NO RECÔNCAVO BAIANO

<img alt='festa-de- sao-joao' src='guerra-de-espadas ' title='A ARTE NORDESTINA | Blog de Arte e Cultura: cultura do nordeste brasileiro'/>



ARTEFATO JUNINO QUE FAZ PARTE DA CULTURA NORDESTINA E QUE FAZ PARTE DAS BRINCADEIRAS DE SÃO JOÃO NA CIDADE DE CRUZ DAS ALMAS NO ESTADO DA BAHIA





No São João Nordestino, existem muitas cidades que tem suas tradições e seus costumes locais, e dentro desse contexto cultural, vemos que isso enriquece a própria cultura, e que essa tradição, passa de geração para geração,  e essa é uma das formas que faz com que a cultura se perpetue e continue viva presente  na vida das pessoas. Sempre é perigoso, as brincadeiras que tenham fogos de artificio, mas que, tudo com atenção e responsabilidade, as vezes se torna menos perigoso, mesmo assim a atenção tem que ser redobrada por parte dos brincantes. 



<img alt='festa-de- sao-joao' src='guerra-de-espadas-de-fogo ' title='A ARTE NORDESTINA | Blog de Arte e Cultura: cultura do nordeste brasileiro'/>



      A queima de fogos de artifícios é bem tradicional nessa região, na época das festas juninas. Nessa época, existem muitos acidentes com queimaduras no corpo das pessoas, pois, além dos acidentes normais, ainda pode ter a fatalidade de um dos fogos de artifícios vir a estourar antes da hora e atingir seriamente os brincantes ou as pessoas que estão manuseando esse tipo de artefato. Então, antes que isso aconteça, sempre é bom ter muito cuidado quando for manusear fogos, na época junina. Hoje, vamos falar de uma tradição na cidade de Cruz das Almas na Bahia. Elas são fabricadas, e muito manuseadas como uma forma de brincadeira junina, nessa cidade. Estamos falando das espadas de fogo.  elas são construídas, com vários produtos, dentre muitos desses produtos, estão alguns: salitre, enxofre, pólvora, barro, bambu maduro cozido e seco, cordão de sisal, encerado com breu, parafina e cera de abelha. 



<img alt='festa-de-sao-joao' src='cruz-das-almas ' title='A ARTE NORDESTINA | Blog de Arte e Cultura: cultura do nordeste brasileiro'/>




       Elas são artefatos culturais dentro da cultura regional baiana e, particularmente, na  cidade de Cruz das Almas, e isso faz parte da história do mês junino desse lugar. A tradicional " Guerra de espadas" é um espetáculo de coragem, cores e luzes, apresentado em algumas ruas reservadas da cidade para esse espetáculo. Um número grande de guerreiro, conhecidos como, "espadeiros", usam roupas e proteção especiais, como uma espécie de armadura, para soltar espadas e brincar com elas, exibindo suas habilidades com o artefato; um verdadeiro show de habilidade, cores e luzes. Mesmo sendo um hábito tradicional da cultura local, essa prática é considerada uma prática ilegal pela justiça. Hoje, essa prática cultural, está proibida. No caso das espadas de fogo, no estado da Bahia, poderia se chagar a um entendimento entre os órgãos públicos e a justiça, para encontrarem um termo que ninguém saísse prejudicado, para que essa brincadeira junina não viesse desaparecer dentro da cultura nordestina. Ou seja, as prefeituras deveriam construir algum local para a queima dessas espadas, tendo assim, lugares apropriados, e que não levasse perigo a população nem prejuízo econômico para muitas famílias de baixa renda na época junina. Um projeto bem elaborado para uma área apropriada para esse tipo de evento seria a melhor saída para todos. Ela é reconhecida como atributo cultural do São João de Cruz das Almas, há décadas, atraindo vários turistas, de todos o quantos do Brasil. Muita gente, vem no mês junino para conhecer e prestigiar a tradição. Infelizmente com a proibição, essa prática vira uma prática ilegal perante a lei. 




<img alt='festa-junina' src='espadas-de-fogo ' title='A ARTE NORDESTINA | Blog de Arte e Cultura: cultura do nordeste brasileiro'/>



      E aí, os brincante podem responderem por desobedecerem à justiça. Apesar de ser proibida, a guerra não foi extinta, nem os brincantes deixaram de praticar, eles mesmos, com a proibição, ainda participam da festa. Durante a Festa de São João, houve guerras de espadas em varias ruas do centro de Cruz das Almas. As guerras de espadas, é um evento que faz parte da cultura dos baianos e também dos sergipanos. Essa tradição é comum na Bahia e em Sergipe.  Sempre é necessário, ter o máximo de cuidado,  quando se vai manusear fogos de artifício, sempre é bom ter o máximo de cuidado, para não ser mutilado pelos fogos, pois antes de mais nada, a saúde e segurança das pessoas, devem está em primeiro lugar. A cultura nordestina, é muito rica e diversifica, dentre todos os nove estados nordestinos, você sempre vai encontrar seguimentos iguais, mas com linguagens diferentes entre um estado e outra. 














<img alt='festa-de- sao-joao' src='guerra-de-espadas ' title='A ARTE NORDESTINA | Blog de Arte e Cultura: cultura do nordeste brasileiro'/>



ARTEFATO JUNINO QUE FAZ PARTE DA CULTURA NORDESTINA E QUE FAZ PARTE DAS BRINCADEIRAS DE SÃO JOÃO NA CIDADE DE CRUZ DAS ALMAS NO ESTADO DA BAHIA





No São João Nordestino, existem muitas cidades que tem suas tradições e seus costumes locais, e dentro desse contexto cultural, vemos que isso enriquece a própria cultura, e que essa tradição, passa de geração para geração,  e essa é uma das formas que faz com que a cultura se perpetue e continue viva presente  na vida das pessoas. Sempre é perigoso, as brincadeiras que tenham fogos de artificio, mas que, tudo com atenção e responsabilidade, as vezes se torna menos perigoso, mesmo assim a atenção tem que ser redobrada por parte dos brincantes. 



<img alt='festa-de- sao-joao' src='guerra-de-espadas-de-fogo ' title='A ARTE NORDESTINA | Blog de Arte e Cultura: cultura do nordeste brasileiro'/>



      A queima de fogos de artifícios é bem tradicional nessa região, na época das festas juninas. Nessa época, existem muitos acidentes com queimaduras no corpo das pessoas, pois, além dos acidentes normais, ainda pode ter a fatalidade de um dos fogos de artifícios vir a estourar antes da hora e atingir seriamente os brincantes ou as pessoas que estão manuseando esse tipo de artefato. Então, antes que isso aconteça, sempre é bom ter muito cuidado quando for manusear fogos, na época junina. Hoje, vamos falar de uma tradição na cidade de Cruz das Almas na Bahia. Elas são fabricadas, e muito manuseadas como uma forma de brincadeira junina, nessa cidade. Estamos falando das espadas de fogo.  elas são construídas, com vários produtos, dentre muitos desses produtos, estão alguns: salitre, enxofre, pólvora, barro, bambu maduro cozido e seco, cordão de sisal, encerado com breu, parafina e cera de abelha. 



<img alt='festa-de-sao-joao' src='cruz-das-almas ' title='A ARTE NORDESTINA | Blog de Arte e Cultura: cultura do nordeste brasileiro'/>




       Elas são artefatos culturais dentro da cultura regional baiana e, particularmente, na  cidade de Cruz das Almas, e isso faz parte da história do mês junino desse lugar. A tradicional " Guerra de espadas" é um espetáculo de coragem, cores e luzes, apresentado em algumas ruas reservadas da cidade para esse espetáculo. Um número grande de guerreiro, conhecidos como, "espadeiros", usam roupas e proteção especiais, como uma espécie de armadura, para soltar espadas e brincar com elas, exibindo suas habilidades com o artefato; um verdadeiro show de habilidade, cores e luzes. Mesmo sendo um hábito tradicional da cultura local, essa prática é considerada uma prática ilegal pela justiça. Hoje, essa prática cultural, está proibida. No caso das espadas de fogo, no estado da Bahia, poderia se chagar a um entendimento entre os órgãos públicos e a justiça, para encontrarem um termo que ninguém saísse prejudicado, para que essa brincadeira junina não viesse desaparecer dentro da cultura nordestina. Ou seja, as prefeituras deveriam construir algum local para a queima dessas espadas, tendo assim, lugares apropriados, e que não levasse perigo a população nem prejuízo econômico para muitas famílias de baixa renda na época junina. Um projeto bem elaborado para uma área apropriada para esse tipo de evento seria a melhor saída para todos. Ela é reconhecida como atributo cultural do São João de Cruz das Almas, há décadas, atraindo vários turistas, de todos o quantos do Brasil. Muita gente, vem no mês junino para conhecer e prestigiar a tradição. Infelizmente com a proibição, essa prática vira uma prática ilegal perante a lei. 




<img alt='festa-junina' src='espadas-de-fogo ' title='A ARTE NORDESTINA | Blog de Arte e Cultura: cultura do nordeste brasileiro'/>



      E aí, os brincante podem responderem por desobedecerem à justiça. Apesar de ser proibida, a guerra não foi extinta, nem os brincantes deixaram de praticar, eles mesmos, com a proibição, ainda participam da festa. Durante a Festa de São João, houve guerras de espadas em varias ruas do centro de Cruz das Almas. As guerras de espadas, é um evento que faz parte da cultura dos baianos e também dos sergipanos. Essa tradição é comum na Bahia e em Sergipe.  Sempre é necessário, ter o máximo de cuidado,  quando se vai manusear fogos de artifício, sempre é bom ter o máximo de cuidado, para não ser mutilado pelos fogos, pois antes de mais nada, a saúde e segurança das pessoas, devem está em primeiro lugar. A cultura nordestina, é muito rica e diversifica, dentre todos os nove estados nordestinos, você sempre vai encontrar seguimentos iguais, mas com linguagens diferentes entre um estado e outra. 














Nenhum comentário: