. 08/22/18Blog de Arte e Cultura | Assuntos do Nordeste

SEGUIDORES

Página Inicial Biografia Produtos Galeria O que dizem Jornalista Links Entrevistas Contato
Confira a arte do artista potiguar Newton Avelino, na sua galeria permanente. Adquira já uma obra!

22 de ago de 2018

MEIO DE TRANSPORTE DO NORDESTE

Caminhão Pau de Arara | Fonte da imagem: blogdopesado






CAMINHÃO PAU DE ARARA

   




    Não é concebível, nem legal e muito menos correto, a forma de se transportar o sertanejo (homem do campo do sertão, que fica na região do nordeste brasileiro) mas é a forma que as pessoas dessa região escolheram mais digna para transportar moradores de cada região afetada pela falta de infraestrutura de tudo, falta de transporte coletivo, hospitais, escolas, bancos segurança e por aí vai. Infelizmente no Brasil, a consciência do estado trabalhar para todos, está ausente dentro da sociedade brasileira no que se refere as pequenas cidades e até as grandes cidades, pois alguns políticos, só prometem, e alguns que querem fazer alguma coisa, para uma classe mais baixa da população, são combatidos de alguma forma. 

                           
                                                    

           


  Muitas vezes os empresários querem investir, trabalharem, mas o estado não contribui com as infraestruturas necessárias para que o privado funcione. O pau de arara é proibido no Brasil, esse meio de transporte maio Nordestino, não é muito seguro, e a falta de segurança talvez tenha deixado ele proibido de circular nas principais rodovias. Mesmo com toda proibição, ele ainda faz parte da cultura do sertanejo e é visto rodando nas cidades de Juazeiro do Norte, e Bom Jesus da Lapa, na Bahia.    Mas podemos encontrá-lo em Pernambuco e em outras cidades nordestinas,  principalmente em dia de feira ou romaria. Esses veículos tiveram seu auge nas décadas de 60, 70 e até 80. Como muitos lugares distantes e remotos não tem transportes públicos para chegarem as pequenas cidades do interior do Nordeste, esses caminhões ainda rodam nas estradas que não tem fiscalização estadual e federal. 


          
             



           Caminhão Pau de Arara | Fonte da imagem: Picbear




 






     Por aí vocês percebem o quanto é precária a situação dessas pessoas que moram em lugares remoto do Sertão Nordestino. Sabemos que durante o grande Êxodo rural que houve dentro do Nordeste brasileiro, esses caminhões adaptados foram o meio de transporte das pessoas que moravam no Sertão nordestino ou não, que embarcaram neles rumo ao sudeste do Brasil, precisamente a cidade de São Paulo, e outras regiões. Vemos que a falta de políticas públicas dentro do Brasil, não é de hoje, que o nordestino e o povo brasileiro vem sendo massacrado com isso, já há bastante tempo, então como os brasileiros são pessoas pacientes e ordeiras, aguenta calado até explodir sua paciência. É claro que tudo aqui nesse país é movido a passos de tartarugas, a “burocracia” e a falta de consciência coletiva leva ao país a ser um dos mais pobres em certas áreas como na distribuição de renda. Tem pessoas que consegue ganhar só dois reais por dia, então isso deixa a sociedade mais pobre precisamente a região do Nordeste brasileira, pois é nessa região onde vamos encontrar o maior déficit dentro de infraestrutura. 





           Caminhão Pau de Arara | Fonte da imagem: espaço livre



   


    Se o estado não consegue dá o mínimo de dignidade para o homem, é claro que ele vai procurar se adequar aquilo que não é certo, ou seja: se não existe transporte legalizado, suficiente para as populações de baixa renda, é claro que, transportes alternativos vão surgir para suprir a necessidade dessa população. Isso acontece desde o descobrimento do Brasil, isso é cultural dentro do nosso país, ricos cada vez mais ricos, pobres cada vez mais pobres. Diga-se de passagem que, só uma pequena parte dessa população rica que talvez não atinja 11% que detém a riqueza do país, e o dado também fala que, a renda de 1% mais rico é 36 vezes maior que a média da metade mais pobre. A desigualdade no país é exorbitante e fica entre mulheres e negros.    Acho que isso é consequência de políticas públicas não direcionada para os mais pobres do Brasil, então a tendência é que os mais pobres andem de pau de arara, (caminhões não legalizados), pelo sertão afora para poderem se locomover dentro desse bioma único no mundo chamado de caatinga. O Pau de Arara, ainda transporta muita gente em estradas não fiscalizadas, são chamadas de vicinais ou estradas de barro, que as vezes não entram no mapa rodoviário. Muitos nordestinos usam esse tipo de veículo para levar as crianças para a escola. No Brasil, a grande mídia quando fala de muitos assuntos, como: política, futebol, saúde, entretenimento, sociedade e outros temas, as vezes ou quase sempre distorce as coisas. Por exemplo: quando um cara coloca uma manchete: “Caminhões Paus de Araras, veículo que coloca a vida humana em risco”, é claro que ele só está falando meia verdade. Seria mais justo e correto ele falar: “Caminhões Paus de Araras colocam vidas humanas em ricos porque, o estado não dá infraestrutura para a população pobre das pequenas cidades.



   

  


   












Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...