A ARTE NORDESTINA | Blog de Arte e Cultura: cultura do nordeste brasileiro
TRADIÇÃO DA CAATINGA – A ARTE NORDESTINA | Blog de Arte e Cultura do nordeste brasileiro TRADIÇÃO DA CAATINGA A ARTE NORDESTINA | Blog de Arte e Cultura do nordeste brasileiro

SEGUIDORES

Página Inicial Biografia Produtos Galeria O que dizem Jornalista Links Entrevistas Contato
Confira a arte do artista potiguar Newton Avelino, na sua galeria permanente. Adquira já uma obra!

21 fevereiro, 2017

TRADIÇÃO DA CAATINGA

PRATO APRECIADO POR TODOS | Fonte da imagem: Governo do Estado do Piauí












PRATO APRECIADO POR TODOS






      A carne de bode assada, é uma tradição dentro do Nordeste brasileiro, principalmente nos estados do Piauí, Maranhão e Ceará. Apesar dela não ser tão consumida no litoral nordestino, ela é muito apreciada nas regiões que ficam na faixa da sub-região chamada de sertão. Há um crescimento muito forte da criação da caprinocultura, pois com isso, o consumo da carne desse animal vem crescendo também a passos largos. 





      O sertanejo tem o habito de criar esse tipo de animal, pois esse é um animal que consegue se adaptar com mais facilidade a regiões mais secas do Nordeste brasileiro. A carne de bode é uma carne que sendo bem tratada, ela pode surpreender e muito a quem a saboreia, pois, a degustação desse manjar, sempre vem acompanhado de alguma coisa da terra. Não é de hoje que eu sempre digo que, a culinária nordestina é uma das mais inovadora e tradicional das regiões brasileiras. Tem uma outra culinária que se aproxima muito da cozinha nordestina que é a cozinha mineira. 





      Pois bem, dependendo de quem prepare a carne de bode, isso pode vir a ser o diferencial, pois essa carne precisa que fique macia e que fique sem aquele cheirinho tradicional que ela tem, então com um tempero apropriado e uma boa técnica para deixar a carne macia, isso pode ser o diferencial entre um grande sucesso ou um total fracasso. Como a cozinha nordestina tem um tempero picante, aromatizado e que modifica muito os pratos preparados por muitos, isso é de fundamental importância na hora de se preparar esse manjar. 





      A carne de bode pode ser servida de muitas formas, e nas três refeições, ou seja: café, almoço e janta. Pela manhã ela pode ser servida com cuscuz e com tapioca. No almoço ela pode ser servida normalmente acompanhando a refeição, e no jantar pode vir a ser servida com uma bela macaxeira. Como vemos, essa carne faz muito sucesso entre os nordestinos, principalmente aqueles que moram no sertão nordestino. A carne antes de mais nada, tem que ser salgada e colocada no sol. 





      Então depois de pelo menos uns dois dias no sol ou um dia e uma noite ela já está pronta para ir para o fogo. Sempre é bom avisar que, após tudo isso, é preciso tirar o excesso de sal grosso, da carne. Isso é fácil de fazer, é só ir lavando a carne na água corrente, só assim é que se deixa a carne no ponto para ser consumida. Vamos lá, ingredientes: Você pode pegar uns 3 kg de carne de bode, 1 colher de chá com pimenta do reino moída, 1 colher de chá de cominho, manteiga da terra a gosto, sal a gosto. 





      Modo de preparo: Pegue a carne e misture nela a manteiga com a pimenta do reino, o cominho, junte tudo dentro de uma tigela e deixe pegar o tempero por pelo menos uns 30 minutos, depois corte essa carne em pedaços maciços, e com ossos de costelas ou não. Leve-os para a grelha, que deve ter pelo menos uns 25 cm acima da brasa. Deixe assando por 20 minutos de um lado e do outro, é só de vez enquanto ir virando, depois é só servir com uma bela macaxeira cozida ou frita. Como vemos, esse é um prato simples que, além de ser saboroso, é muito apreciado entre os nordestinos. Dentro do Nordeste brasileiro, principalmente nessa região chamada de sertão, esse é um prato típico que todo nordestino e quem não é, gosta de apreciar. Vindo ao Nordeste, procure degustar o “bode assado com macaxeira”.







PRATO APRECIADO POR TODOS | Fonte da imagem: Governo do Estado do Piauí












PRATO APRECIADO POR TODOS






      A carne de bode assada, é uma tradição dentro do Nordeste brasileiro, principalmente nos estados do Piauí, Maranhão e Ceará. Apesar dela não ser tão consumida no litoral nordestino, ela é muito apreciada nas regiões que ficam na faixa da sub-região chamada de sertão. Há um crescimento muito forte da criação da caprinocultura, pois com isso, o consumo da carne desse animal vem crescendo também a passos largos. 





      O sertanejo tem o habito de criar esse tipo de animal, pois esse é um animal que consegue se adaptar com mais facilidade a regiões mais secas do Nordeste brasileiro. A carne de bode é uma carne que sendo bem tratada, ela pode surpreender e muito a quem a saboreia, pois, a degustação desse manjar, sempre vem acompanhado de alguma coisa da terra. Não é de hoje que eu sempre digo que, a culinária nordestina é uma das mais inovadora e tradicional das regiões brasileiras. Tem uma outra culinária que se aproxima muito da cozinha nordestina que é a cozinha mineira. 





      Pois bem, dependendo de quem prepare a carne de bode, isso pode vir a ser o diferencial, pois essa carne precisa que fique macia e que fique sem aquele cheirinho tradicional que ela tem, então com um tempero apropriado e uma boa técnica para deixar a carne macia, isso pode ser o diferencial entre um grande sucesso ou um total fracasso. Como a cozinha nordestina tem um tempero picante, aromatizado e que modifica muito os pratos preparados por muitos, isso é de fundamental importância na hora de se preparar esse manjar. 





      A carne de bode pode ser servida de muitas formas, e nas três refeições, ou seja: café, almoço e janta. Pela manhã ela pode ser servida com cuscuz e com tapioca. No almoço ela pode ser servida normalmente acompanhando a refeição, e no jantar pode vir a ser servida com uma bela macaxeira. Como vemos, essa carne faz muito sucesso entre os nordestinos, principalmente aqueles que moram no sertão nordestino. A carne antes de mais nada, tem que ser salgada e colocada no sol. 





      Então depois de pelo menos uns dois dias no sol ou um dia e uma noite ela já está pronta para ir para o fogo. Sempre é bom avisar que, após tudo isso, é preciso tirar o excesso de sal grosso, da carne. Isso é fácil de fazer, é só ir lavando a carne na água corrente, só assim é que se deixa a carne no ponto para ser consumida. Vamos lá, ingredientes: Você pode pegar uns 3 kg de carne de bode, 1 colher de chá com pimenta do reino moída, 1 colher de chá de cominho, manteiga da terra a gosto, sal a gosto. 





      Modo de preparo: Pegue a carne e misture nela a manteiga com a pimenta do reino, o cominho, junte tudo dentro de uma tigela e deixe pegar o tempero por pelo menos uns 30 minutos, depois corte essa carne em pedaços maciços, e com ossos de costelas ou não. Leve-os para a grelha, que deve ter pelo menos uns 25 cm acima da brasa. Deixe assando por 20 minutos de um lado e do outro, é só de vez enquanto ir virando, depois é só servir com uma bela macaxeira cozida ou frita. Como vemos, esse é um prato simples que, além de ser saboroso, é muito apreciado entre os nordestinos. Dentro do Nordeste brasileiro, principalmente nessa região chamada de sertão, esse é um prato típico que todo nordestino e quem não é, gosta de apreciar. Vindo ao Nordeste, procure degustar o “bode assado com macaxeira”.







Nenhum comentário: