. CARRANCAS DO SÃO FRANCISCOBlog de Arte e Cultura | Assuntos do Nordeste

SEGUIDORES

Página Inicial Biografia Produtos Galeria O que dizem Jornalista Links Entrevistas Contato
Confira a arte do artista potiguar Newton Avelino, na sua galeria permanente. Adquira já uma obra!

25 de jul de 2018

CARRANCAS DO SÃO FRANCISCO


carrancas do brasil | fonte da imagem: minhabahia



CARRANCAS DO BRASIL



    As carrancas são marcas registradas do rio são Francisco, elas fazem parte da vida e da cultura dos ribeirinhos, da encosta do São Francisco. A presença delas sempre foi marcante na proa das embarcações que subiam e descia este rio, no século XlX até o século XX. Estas figuras aozntropomórficas, meio bicho, meio-gente, tem imagem assustadora, mas com o poder de espantar mau olhado, espíritos brincalhões, azar e assombrações, isso de acordo com os ribeirinhos locais. Eles dizem que elas eram capazes de afastar jacarés, que na época habitavam o rio, e outras coisas ruins que por ventura estavam ao longo do rio. Muitos historiadores falavam que muitos navegadores movidos por interesses comerciais buscavam carrancas cada vez mais originais e bem trabalhadas, o que pode ter estimulado a confecção e o desenvolvimento dessa arte no São Francisco. 
                                                             
carrancas do brasil | fonate da imagem: journals


    No século XIX e no século XX era muito fácil encontrarmos rio abaixo, rio acima, elas que ficavam na proa das embarcações, isto é cultural dessa região, é marca registrada. Existe uma forte tendência à submissão e crença no poder sobrenatural das carrancas que é explicado a partir do primitivismo e ingenuidade dos habitantes, que eram povos extremamente supersticiosos, e acreditavam em várias lendas. Aos artesãos do médio São Francisco, cabem o mérito de criação popular para cada aspecto místico e decorativo, baseada no cultural da região, mas com uma enorme influência da arte da idade média. A criação e a produção desses artefatos culturais, eram feitas por família de artesãos e que tinham uma grande produção como objeto decorativo. A característica plástica predominante em todas as carrancas, corresponde ao fato delas apresentarem fisionomias de animais, cabeça de humanos parecendo com figuras mitológicas. Estas figuras têm traços marcantes com vastas cabeleiras e os olhos de humanos que elas possuem. 

                                                             
carrancas do brasil | fonte da imagem: westwing

    Elas deixaram de ser figuras de proa e passaram a ser objetos de arte popular presentes em museus, exposições e feiras de artesanatos, já depois do século XIX. A produção desse artefato cultural, teve uma grande procura e uma grande aceitação, foi aí que expandiu-se tornando-se uma atividade alternativa para os carranqueiros do Nordeste. Hoje fazer carrancas é uma atividade altamente lucrativa além de ser uma expressão popular. Sabemos que as primeiras populações ribeirinhas do São Francisco a partir da época da colonização eram de característica negra ou índia, como atestam relatos do Padre Martinho Nantes do século XVII, do viajante Sir Richard Burton em 1867, de Saint-Hilaire do século XIX.
                                                              
carrancas do brasil | fonte da imagem: cultura


     Os barqueiros eram de características negras, sendo até o período anterior à abolição da escravidão, escravos que faziam o serviço de travessia e ligação entre as diferentes cidades. Não devemos esquecer, da cultura cabocla que também incorporou elementos da cultura indígena, de modo que a ideia de espíritos do rio e espírito da mata possam ajudar ou prejudicar uma travessia. Ela também é natural do imaginário ameríndio. Na verdade, elas têm um pouco ou muito de cruzamento de influências do imaginário cristão português, notadamente africano e ameríndio.





Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...