ARTE DE TRANÇAR – A ARTE NORDESTINA | Blog de Arte e Cultura do nordeste brasileiro A ARTE NORDESTINA | Blog de Arte e Cultura do nordeste brasileiro: ARTE DE TRANÇARBlog de Arte e Cultura A ARTE NORDESTINA | Blog de Arte e Cultura do nordeste brasileiro: ARTE DE TRANÇAR A ARTE NORDESTINA | Blog de Arte e Cultura do nordeste brasileiro: ARTE DE TRANÇARBlog de Arte e Cultura A ARTE NORDESTINA | Blog de Arte e Cultura do nordeste brasileiro: ARTE DE TRANÇARBlog de Arte e Cultura

SEGUIDORES

Página Inicial Biografia Produtos Galeria O que dizem Jornalista Links Entrevistas Contato

12 janeiro, 2016

ARTE DE TRANÇAR

Fonte da imagem: Fuchic





CESTARIA




   Não é de hoje que o artesanato do nordeste brasileiro vem se destacando dentro e fora do Brasil. Cada dia novas técnicas, novas tendências, novas matérias primas, e por aí vai. 


    Não é preciso dizer que esse tipo de artesanato é um grande meio de geração de emprego e renda para famílias de toda região nordestina e de todas as regiões do Brasil. Os índios são os mais antigos artesãos, e utilizavam muito a arte da pintura. 


      Antigamente era muito comum a gente ver o artesanato em palha, feito pelos índios. Esse artesanato varia de região para região, e de tribo para tribos de artesãs. A arte de trançar fibras deixada pelos indígenas, inclui chapéus, peneiras, esteiras, redes, balaios e outros. 


    A variedade de objetos de traçados é imensa, sem falar que cada um deles leva formas geométrica diferentes umas das outras, isso valoriza muito os objetos feitos pelos artesãs. Os artesanatos em fibras vegetais que são aqueles feitos de plantas e têxteis, são representados pelos traçados e trabalhos de cestaria. 


    Eles constitui uma das mais expressivas categorias junto com trabalhos feitos em madeiras e cerâmica. Os matérias usados como matéria prima para esses artesanatos são: a palha de milho, a palha de bananeira, a palha da taboa, a palha de Ouricuri, a palha da carnaúba e outros. 


    No Nordeste brasileiro é muito comum encontramos os traçados de palha. A partir dessas matérias primas, os artesãos fazem surgir obras inspiradas na natureza, de decoração e também como acessórios da moda. 


    Os primeiros objetos feitos pelo homem eram artesanais. Isso pode ser identificado no período neolítico. O artesanato no Brasil surgiu nesse período também. Hoje vemos que em algumas regiões do nordeste brasileiro, a arte de traçar, ou cestaria, está cada vez mais sendo difundido e fortalecido por ideias, por produção e por venda dos produtos. 


   Isso é ótimo, porque esses artesãos além de terem convites para participarem de feiras nacional e internacional, eles vendem as suas peças e ao mesmo tempo, conseguem uma boa valorização pelo seu produto. O artesanato de cestaria no nordeste, ele é muito rico em técnica, estilo e em material usado nos objetos confeccionados por eles.

Nenhum comentário: